DICAS

Como aumentar as plaquetas? veja dicas práticas!

As plaquetas são essenciais para a nossa imunidade, isso porque elas contribuem com o estancamento de sangramentos. Vamos supor que você fira a sua mão com algum objeto cortante, neste momento, as plaquetas se mobilizarão para o local do sangramento.

As plaquetas unem-se e formam-se em coágulos, que por sua vez estanca naturalmente o sangramento existente. O problema é justamente quando não há plaquetas suficientes, neste caso complicações adversas podem ocorrer.

Um dos sintomas mais claros acerca da ausência de plaquetas em quantidades satisfatórias, é quando pequenos arranhões demoram para ser efetivamente curados. Então se por ventura você notar uma certa demora na cicatrização de ferida, provavelmente há poucas plaquetas.

Como aumentar as plaquetas

como aumentar as plaquetas

Antes de pensarmos em como aumentar as plaquetas, é importante evitarmos que elas diminuam. Isso é possível graças a uma alimentação equilibrada, então, priorize o consumo de alimentos benéficos para a sua saúde.

Alguns alimentos em específicos, são indicados para pessoas que tenham baixos índices de plaquetas no sangue. Se este for o seu caso, procure consumir os alimentos que citaremos logo mais.

Água: Ausência de plaquetas pode ser provida da dengue. Normalmente esta doença age desidratando o corpo, podendo causar evacuação de plaquetas. Então, consuma bastante água mesmo, inclusive sucos naturais são opções também plausíveis.

Alimentos ricos em Ferro: A baixa concentração de plaquetas pode ser causada pela presença de anemia. Se este for o caso, procure consumir alimentos ricos em Ferro, como é o caso das folhas verdes, além do feijão e do fígado de boi.

Frutas cítricas: As frutas cítricas são algumas das mais benéficas, pois as mesmas possuem uma rica quantia de vitaminas essenciais, que por sua vez são cruciais para a contenção do baixo índice de plaquetas no sangue.

Falta de plaquetas ou diabetes?

Pode ser que a demora na cicatrização de feridas não necessariamente esteja relacionada à baixa quantidade de plaquetas. Pode ser diabetes, essa doença além de causar outros tipos de danos à longo prazo, ela pode obviamente também agir diminuindo a eficácia do organismo no que se refere à cicatrização de feridas. Para averiguar se este é de fato o problema, procure um médico e faça exames se necessário for.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com