DICAS

Cravos no rosto: como remover?

Suor, poluição, pele oleosa, hormônios… Esses são alguns dos principais motivos apontados por muitos dermatologistas e esteticista para explicar o surgimento de cravos no rosto. Mas você sabe tudo sobre eles ou simplesmente os arranca sem dó assim que surgem?

O que são e como nascemos cravos no rosto?

Os cravos são poros da pele que ficam entupidos pelo próprio sebo produzido pela glândula sebácea, responsável pela gordura produzida pelo nosso corpo. Geralmente os vemos com pontas brancas ou pretas, a primeira ficam apenas elevadas na pele, já o segundo, aparecem mais por conta da oxidação do poro que se dá no contato da oleosidade com o ar, geralmente poluído.

Apesar de não ser o principal causador dos cravos no rosto, a  poluição pode levar até a pele um ácaro conhecido como Demodex folliculorum que se aproveita do ambiente para procriar. Em um único folículo esses aracnídeos podem colocar até 25 ovos e vivem entre 14 e 18 dias, e quando evoluem, são facilmente associados ao surgimento de cravo no rosto e espinhas.

O que provoca o cravo no rosto?

cravos no rosto

Como o cravo no rosto é uma reação do próprio corpo aos cistos sebáceos produzidos, é quase impossível dizer que algum dia será possível se ver livre deles, mas o dermatologia sabe que alguns produtos cotidianos são fatores determinantes para o aparecimento dos cravos.

Apesar do uso do protetor solar ser recomendado para todas as pessoas, nem todos os produtos são livres de óleos em sua composição. As pessoas que já possuem a pele oleosa, devem redobrar a atenção na escolha do produto menos gorduroso na hora de se proteger do sol, para evitar o surgimento de cravos no rosto.

O mesmo vale para quem busca por um produto para turbinar o bronzeado, independente do estilo de pele. Como o próprio nome diz, óleos bronzeadores são feitos com produtos como aloe vera, vitaminas A e E e pantenol, que aparecem em formas de óleos em sua composição, também podendo ocasionar cravos, dependendo da pele.

Outro fator determinante no surgimento dos cravos nas mulheres é o uso de maquiagem. A limpeza antes e após o seu uso, além da escolha de produtos soltos e finos, favorece uma pele bonita e lisa.

Cuidados para evitar cravos no rosto

cravos no rosto 45

Mas no dia a dia, quais são as maneiras corretas de se cuidar da pele e evitar esses inconvenientes cravos? A Sociedade Brasileira de Dermatologia indica que a pele deva ser limpa duas vezes ao dia com um sabonete adequado para cada tipo de pele, afim de evitar o acúmulo de oleosidade, maquiagens e poluentes.

São indicados também o uso de cremes demaquilantes e tônicos, pois eles  são aliados na hora de manter a pele em condições que impeçam o surgimento de cravos.

Outra forma de cuidado com a pele é o procedimento de limpeza realizado em cinco etapas por uma esteticista, que irá limpar, esfoliar, extrair os cravos e finalizar com a hidratação da região. Uma opção bastante comum e que pode ser feita tanto em casa, quanto em uma clínica, é a esfoliação.

Em casa, receitas caseiras e produtos vendidos em farmácias e lojas de cosméticos permitem que qualquer pessoa massageie e aplique o produto. Já os peelings, oferecidos em clinicas de estéticas, vão dos mais simples, como o de cristal e diamante, até os químicos, que devem ser realizados apenas após a consulta a um dermatologista.

Recentemente a Internet viu surgir um movimento de vídeos ensinando a espremer cravos e espinhas de forma correta, mas no dia a dia, principalmente depois de um banho quente, quando os poros são dilatados, não mexer em um cravo é quase um exercício de resistência.

É importante lembrar que a extração de cravos é sempre delicado e requer limpeza e cuidados para que não favoreçam o surgimento de acnes ou outras infecções na pele.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com