Scroll Top

SAÚDE

Glaucoma: sintomas, tipos, e tratamentos!

O Glaucoma é uma das doenças mais perigosas que atingem o sistema ocular das pessoas. É um grupo de enfermidades que provocam danos praticamente irreparáveis na visão do paciente.

Ele ataca o nervo óptico, exatamente o responsável por levar as informações do olho para o cérebro.

Por isso, saber o que é o Glaucoma, seus tipos e sintomas é essencial para descobrir essa doença antes que ela se torne realmente irreversível. Existem quatro tipos.

O de ângulo fechado, que também pode ser chamado de agudo. O de ângulo aberto, que é o crônico. O congênito e o secundário.

Entendendo os tipos de Glaucoma

glaucoma sintomas

O Glaucoma de ângulo fechado causa uma pressão muito forte na parte interna do olho. É um caso emergencial. Causa muita dor e é bastante rápida a evolução da doença. Já o Glaucoma de ângulo aberto é menos potente, mas não menos perigoso.

A pressão ocorre de forma silenciosa e lenta. Quando a pessoa descobre, pode ser tarde demais. Ele tende a ser hereditário, mas a causa da enfermidade ainda é desconhecida pela classe médica. Porém, por ocorrer de forma mais lenta e silenciosa, e o Glaucoma crônico pode causar cegueira.

O Glaucoma congênito é aquele em que o bebê já nasce com ele. A mãe passa a doença para o filho na gravidez. É um tipo muito raro, mas que se descoberto, deve ser  tratado de forma imediata para poder reverter a situação.

Por último, mas não menos importante, o Glaucoma secundário. Ele ocorre principalmente por conta do uso indiscriminado de medicamentos como os corticosteroides, por traumas e também por outras enfermidades nos olhos e em todo o sistema ocular.

Agora que você já sabe quais são os tipos de Glaucomas, vamos aos sintomas de cada um deles.

Os sintomas do Glaucoma

glaucoma sintomas 01

Glaucoma de ângulo fechado:

  • Dor muito forte no olho e de maneira súbita por conta da pressão;
  • Muitas náuseas, vômito, enjoo;
  • Olhos bastante vermelhos e inchados;
  • Visão diminuída e embaçada;

Glaucoma de ângulo aberto:

  • Praticamente não tem sintomas. Descobre-se com a ida regular ao oftalmologista, ou quando já está para perder a visão. Porém, em alguns casos, a perda gradual da visão periférica lateral pode acontecer.

Glaucoma congênito:

  • A parte frontal do olho fica mais nebulosa;
  • Os olhos ficam maiores. Às vezes somente um deles apresenta esse sintoma;
  • Olhos vermelhos e inchados;
  • Sensibilidade à luz;
  • Olhos muito lacrimejantes

Glaucoma secundário

O Glaucoma secundário pode se transformar em um Glaucoma  de ângulo fechado ou aberto. Neste caso, os sintomas podem mesclar.

O ideal mesmo é fazer consultas periódicas ao médico especialista. Pois, dependendo do tipo de Glaucoma , o paciente só descobrirá a complicação, quando estiver perdendo a visão parcialmente. Em caso de sintomas, procure imediatamente o oftalmologista.

O ideal é você consultar o oftalmologista todos os anos, realizando exames para precaver complicações como o Glaucoma por exemplo. Além disso, o ideal é a realização de um check-up anual.

Dessa forma,  não apenas complicações relativas à visão poderão ser constatadas. Mas também eventos anormais nas mais variadas partes do corpo.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.